Na realidade a Primavera já está por aqui há mais tempo, mas o Spring Update do Dynamics CRM 2015 acaba de chegar. Esta é sempre aquela entusiasmante altura do ano em que tentamos perceber se aquelas novidades pelas quais ansiamos há meses (anos em alguns casos) vão ser finalmente disponibilizadas.

A política de releases da Microsoft tem-se mantido estável nos últimos anos, com versões novas a cada dois anos (2011, 2013, 2015) e updates intermédios na Primavera e no Outono. Bom, estável é uma forma simpática de colocar o tema, uma vez que para além destes updates, se contarmos com as alterações motivadas pelas novas ferramentas que foram adquiridas pela Microsoft, entre modelos on-premises e on-line, conseguimos facilmente chegar às 8 (oito!) releases durante FY15. A vida de um parceiro Dynamics CRM não tem sido objetivamente fácil. A constante correria para nos mantermos atualizados em termos de novidades e de potencial de cada release é realmente de loucos. Explicar aos clientes porque é que o ritmo de alterações tem sido tão acelerado por vezes também não é fácil. A necessidade de formação dos recursos da equipa – garantindo que todos estão preparados para dar informações corretas aos clientes e aptos para implementar os projetos – implica uma logística tremenda.

No entanto, quando há dias matutava sobre estas dificuldades, relembrado pelo anúncio do Spring Update, conclui que na realidade tudo não passava de um «bom problema». Na realidade eu deveria estar muito preocupado se o produto estivesse estagnado, sem novidades, sem novas funcionalidades. Isso sim, significaria que estaria claramente a perder terreno face à concorrência e a ficar obsoleto, menos interessante e atrativo para os nossos clientes. Honestamente, como integrador de soluções baseadas em Dynamics CRM sinto que o produto está mesmo dynamic (o nome foi bem escolhido, sem dúvida) com uma energia incrível e com um roadmap, que embora muito acelerado, demonstra claramente uma vivacidade e, sobretudo, um fortíssimo investimento por parte da Microsoft. Isso só pode significar que a aposta está certa e que vamos ter produto a sério para continuar a servir os nossos clientes.

Recordemos que nos últimos 3 ou 4 anos a Microsoft fez um conjunto de aquisições de produtos que foi juntando à linha Dynamics, e cujos resultados são já visíveis, com uma crescente integração. Atualmente (Spring Update) o NetBreeze transformou-se no Microsoft Social Engagement, quase um novo produto, com um layout inovador e funcionalidades muito interessantes do ponto de vista de monitorização e interação com redes sociais. A integração com o Dynamics CRM está já mais avançada e coerente. O MarketingPilot é agora Microsoft Dynamics Marketing – um muito desejado módulo de marketing automation que vem preencher uma lacuna que existe desde sempre no Dynamics CRM. Apesar de poder ser usado de forma autónoma são evidentes as sinergias de utilização integrada com o Dynamics CRM: podemos fazer segmentação de clientes no CRM e operacionalizar as campanhas através do MDM. Finalmente, o Parature. Confesso que o roadmap deste produto é para mim mais difícil de perceber mas a componente de Customer Service do Dynamics CRM mostra já certas caraterísticas que sabemos terem sido «herdadas» daquele produto.

Termino este artigo com uma pequena especulação. Será que ainda vamos ser surpreendidos com uma Summer Release…? Estará na calha mais alguma aquisição nos próximos meses (ou semanas…)? Bom, vamos mantendo um olhar atento às notícias….
CONTACTE-NOS!

arrow_upward
Gestão de Cookies
Abaixo apresentamos os grupos de cookies recolhidas, que deverá selecionar de acordo com as suas preferências. A qualquer momento poderá alterar ou retirar as suas permissões de cookies.

Usados para armazenar cada configuração de sessão, nomeadamente, as suas preferências de idioma.

Usados para medir o desempenho da velocidade do site e para recolher informações relacionadas com quais páginas do site têm mais ou menos visualizações de forma a ajudar a melhorar o conteúdo para todos os utilizadores do site em geral.

Usados para recolher informações sobre qual campanha dirigiu o utilizador ao site e qual conteúdo é de maior interesse para cada utilizador. 

Saiba mais sobre a Bizdirect e a forma como tratamos os seus dados, consultando a nossa Política de Privacidade.