A pergunta é obrigatória quando entre amigos discutimos como ler um livro ou jornais, usar redes sociais, partilhar fotografias, jantar com filhos ou pais ligados por skype porque estão fora, mas não deixam de partilhar este momento de família. Na minha opinião, este tema é excelente para conversa de praia ou serão na lareira – uns gostam, outros são contra – uns imaginam os perigos, outros vêm as vantagens, mas anima sempre quando introduzimos o tópico – segurança!
A segurança digital é para uma grande parte das pessoas um perigo maior do que as notas em papel, as conversas em voz alta, as passwords na carteira ou nos cadernos de notas. Porque desconhecemos temos medo e desconfiamos, usamos mal e cometemos erros que não assumimos porque não queremos mostrar ignorância digital. Mas a verdade é que não conheço quem tenha deixado de usar os canais e meios digitais depois de perceber as vantagens.
O que é interessante verificar é que os gestores também divergem de opinião quando é preciso decidir o uso que devemos dar às plataformas digitais.
Há os “QB” que acreditam, mas continuam a querer a duplicação da informação, por exemplo usam o CRM para gerir equipas comerciais, mas querem exportar tudo para Excel, tirar notas em papel e depois partilhar por email… cansativo e pouco seguro?
– Sim, é digital mas muito re-work, uma plataforma digital pode ser uma solução integrada e única.
Também há os gestores que simplesmente não mexem no digital porque “imaginam” ser um trator do século passado e não um carro elétrico, silencioso e totalmente pensado para o utilizador.
– A estes chamaria os gestores tipo ”CAOS”, gostam da sensação de receber milhares de emails e dependem de terceiros para perceber o que se passa nas vendas ou nos serviços, recebem versões infinitas de excel e nunca estão seguros do número que precisam.
Por fim, entre muitos outros perfis há os que olham para esta era digital com a curiosidade que há anos se olhou para o fax ou email e que encontram nesta era a possibilidade de agir com rapidez e sem barreiras temporais ou físicas. O mundo não pára e as plataformas servem-nos na medida em que as usamos. As plataformas são colaborativas e pretendem agilizar as organizações, criando repositórios de informação e não silos, permitindo gestão por indicadores que todos conseguem entender, sejam os dashboards que um CRM disponibiliza face aos KPI’s da empresa ou simplesmente a comunicação interna pelas redes sociais empresariais. Digital é um meio e não um fim, como tal há que entender, perguntar e assumir que há quem saiba mais do que nós e que não se trata de fazer igual ao vizinho ou concorrente, mas sim que usar a roda certa para o nosso negócio pode ser o segredo.
Digital é bom na medida em que democratiza, facilita e não é escravo de fuso horário. Paralelamente segmenta de forma discreta, fala para multidões ou de um para um, funciona na retaguarda, leva-nos até contactos de pessoas ou empresas e ajuda-nos a conhecer os nossos clientes, fornecedores ou concorrentes. Tudo isto à distância de um clique.
CONTACTE-NOS!

arrow_upward
Gestão de Cookies
Abaixo apresentamos os grupos de cookies recolhidas, que deverá selecionar de acordo com as suas preferências. A qualquer momento poderá alterar ou retirar as suas permissões de cookies.

Usados para armazenar cada configuração de sessão, nomeadamente, as suas preferências de idioma.

Usados para medir o desempenho da velocidade do site e para recolher informações relacionadas com quais páginas do site têm mais ou menos visualizações de forma a ajudar a melhorar o conteúdo para todos os utilizadores do site em geral.

Usados para recolher informações sobre qual campanha dirigiu o utilizador ao site e qual conteúdo é de maior interesse para cada utilizador. 

Saiba mais sobre a Bizdirect e a forma como tratamos os seus dados, consultando a nossa Política de Privacidade.