Os fundamentos do negócio não mudaram: Atrair, reter e crescer. Mas o mundo ao nosso redor mudou. Temos clientes mais exigentes que vivem num mundo digital e novas e mais oportunidades num cenário altamente competitivo que acelera as mudanças e desafia a nossa economia.

Assim, para ser bem sucedido, temos de mudar a forma como geramos negócio, focando-nos menos na construção da marca per si e mais na compreensão das necessidades dos nossos clientes.

Hoje em dia, uma pessoa é submetida a mais informações num só dia do que uma pessoa na Idade Média em toda a sua vida. A sobrecarga de informação altera a forma como consumimos. O poder de compra está agora nas mãos dos compradores, e não dos vendedores. De forçar para atrair, de iniciativas locais para globais, as pessoas não querem ser mais alvo de telemarketing, anúncios impressos, emails, etc; querem ser seduzidas e convidadas a fazer parte de algo.

De forma a conseguirem atrair clientes, as empresas devem construir uma linguagem comum de negócio entre o departamento de Vendas e de Marketing. Ao se focarem na geração de valor para as empresas, ambos construirão estratégias conjuntas que alimentem o funil de negócio com quantidade e qualidade. Mais do que quantas orders querem gerar por um período específico, as percentagens de contactos, leads e fecho que deverão atingir ou quantas pessoas irão precisar de atrair através das suas campanhas, os seus esforços combinados deixarão claro a quem pertence cada responsabilidade ao longo da jornada do consumidor.

Ao definir um processo, ambas as equipas serão capazes de construir relações com leads qualificadas, independentemente de quando estas efetivamente se tornam clientes, com o objetivo de serem a primeira escolha quando estiverem prontos para comprar. No entanto, mesmo que nunca se interessem pelo produto, irão confiar na empresa e serão potenciais compradores de outro serviço. No fim, caso se revelem desajustados com o target, rapidamente as equipas poderão analisar e decidir atempadamente não investir mais tempo e esforço.

Na Bizdirect, acreditamos que a análise do histórico de comportamento, os padrões que indicam a probabilidade de compra, a taxa de sucesso por campanha, entre outras métricas, fará com que todas as atividades de marketing e vendas fiquem mais perto de gerar (maior) retorno dos investimentos realizados e gerar uma relação personalizada e completa com o cliente.

Quer saber como temos vindo a ajudar os nossos clientes a ter maior eficácia comercial? CONTACTE-NOS!

arrow_upward
Gestão de Cookies
Abaixo apresentamos os grupos de cookies recolhidas, que deverá selecionar de acordo com as suas preferências. A qualquer momento poderá alterar ou retirar as suas permissões de cookies.

Usados para armazenar cada configuração de sessão, nomeadamente, as suas preferências de idioma.

Usados para medir o desempenho da velocidade do site e para recolher informações relacionadas com quais páginas do site têm mais ou menos visualizações de forma a ajudar a melhorar o conteúdo para todos os utilizadores do site em geral.

Usados para recolher informações sobre qual campanha dirigiu o utilizador ao site e qual conteúdo é de maior interesse para cada utilizador. 

Saiba mais sobre a Bizdirect e a forma como tratamos os seus dados, consultando a nossa Política de Privacidade.