Já falta pouco para terminar 2018 e a maioria das empresas está focada no fecho do ano e em ultrapassar os últimos desafios, de forma a terminarem o ano em linha com os objetivos traçados. Sabemos também que a par do fecho do ano, estamos todos a olhar para o planeamento estratégico e para o budget do ano seguinte.

A aposta na tecnologia e inovação continuam a ser as tendências que as empresas devem prestar especial atenção, dado que estamos em plena Era Digital e a Transformação Digital tem impacto em todas as áreas de negócio. Os clientes mantêm-se exigentes, os fornecedores rigorosos e os colaboradores necessitam de ferramentas que lhes permitam ser mais eficazes.

Por isso, enumeramos três dicas que poderá colocar em prática já no próximo ano:
1. A primeira dica é para que otimize e digitalize os seus processos internos. Estes são fulcrais para um bom funcionamento de qualquer empresa, mas, por vezes, relevam-se como o principal entrave no quotidiano da organização, ou porque se encontram desatualizados ou porque não se adequam à realidade atual da empresa. Há fatores como o aumento rápido de crescimento da empresa que fazem com o que melhor funciona a curto prazo, nem sempre seja o melhor funcionamento para o médio e longo prazo, ao mesmo tempo que o foco nos KPIs nem sempre é suficiente para detetar problemas nos processos. Torna-se assim necessário atualmente compreender os indicadores de processo, como as visitas marcadas em clientes, propostas, rendimento e eficiência dos equipamentos, etc. E por último, ter em conta que o funcionamento vertical das empresas e a generalidade dos processos atravessa pessoas diferentes, e frequentemente, departamentos diferentes. As preocupações dos líderes de equipa no dia-a-dia são sobretudo focadas no funcionamento das suas equipas. No entanto, o que é melhor para a empresa não significa que seja melhor para uma equipa em particular, podendo levar a um conflito de interesses, e esta situação acaba por ser agravada, quanto menos transparente for a cultura da empresa. Por fim, para conseguir ter equipas mais organizadas e com maior capacidade e qualidade de entrega no próximo ano, torna-se essencial a adesão a processos de negócios otimizados e digitalizados, sempre com o foco de melhorar a experiência do cliente.

2. A nossa segunda dica é apostar no social selling. Atualmente, as empresas procuram aproveitar as potencialidades das redes sociais como um canal de comunicação com os seus clientes. Para as áreas de marketing e vendas esta é uma ferramenta com imenso potencial para comunicar e divulgar as suas ofertas, eventos e promoções, de forma direcionada e assertiva com o seu target / personas, mas também para conhecer o comportamento, preferências e opiniões, construindo um relacionamento mais próximo. Algumas das maiores vantagens são ainda as informações em tempo real, a capacidade de modificar ou acrescentar tendências, campanhas e informações, sempre no momento indicado.

3. Por último mas não menos importante, retome o contacto com as leads. Um “não” de um potencial cliente, não é sempre uma resposta definitiva, muitas das vezes é apenas uma questão de timing. Retome esses contactos esquecidos, sugira novos produtos e serviços através de up-selling e cross-selling. Com base no histórico dos seus clientes acompanhe as suas leads e as oportunidades, de modo automatizado, através de ferramentas de CRM, que ajudam desde o início ao fim de um processo de venda. Segundo o estudo da Forrester, 50% das equipas que utilizam o CRM obtiveram uma melhoria na sua produtividade, pois uma ferramenta como o CRM permite melhorar a colaboração, a partilha de informação pelos diferentes departamentos organizacionais e o aumento a produtividade geral da empresa.
As nossas dicas para entrar em 2019 com o objetivo de melhorar o negócio da sua empresa são a base para a otimização e digitalização dos seus processos, para comunicar eficazmente através do social selling e apostar na prospeção e em novas leads, sem nunca descurar os contactos habituais ou que mantemos em estado de “nurturing” quando estão a amadurecer o seu estado para poderem avançar para novos projetos.

Se precisar de ajuda para este tema, Fale Connosco!

Carolina Vieira,
Marketing Specialist da Bizdirect

arrow_upward
Gestão de Cookies
Abaixo apresentamos os grupos de cookies recolhidas, que deverá selecionar de acordo com as suas preferências. A qualquer momento poderá alterar ou retirar as suas permissões de cookies.

Usados para armazenar cada configuração de sessão, nomeadamente, as suas preferências de idioma.

Usados para medir o desempenho da velocidade do site e para recolher informações relacionadas com quais páginas do site têm mais ou menos visualizações de forma a ajudar a melhorar o conteúdo para todos os utilizadores do site em geral.

Usados para recolher informações sobre qual campanha dirigiu o utilizador ao site e qual conteúdo é de maior interesse para cada utilizador. 

Saiba mais sobre a Bizdirect e a forma como tratamos os seus dados, consultando a nossa Política de Privacidade.